Terça-feira, 25 de Outubro de 2011

Dortmund de Klopp, onde o futebol é novamente uma arte

 

Infelizmente nunca tive a oportunidade de escrever algo sobre aquela que foi talvez a maior e a melhor surpresa do futebol europeu na época passada, falo obviamente do Borussia Dortmund.

 

O Borussia foi um dos grandes da Europa nos anos 90, a equipa então comandada por Ottmar Hitzfeld foi bicampeã alemã e também campeã europeia nessa década. Nessa geração da equipa de Dortmund destacavam-se sobretudo jogadores como Matthias Sammer, Andreas Moller e o suiço Stéphane Chapuisat.

 

 

Matthias Sammer, Bola de Ouro em 1996

 

Uma equipa fantástica que conquistou tudo e que teve também a importante colaboração de um português, Paulo Sousa.

 

A entrada no novo milénio também foi positiva para o clube, a equipa voltou a ser campeã em 2002 e chegou também a uma final da Uefa em 2003, nessa equipa recordo-me sobretudo de uma dupla de checos, o gigante Jan Koller e Tomas Rosicky.

 

A verdade é que todos estes sucessos não faziam prever o que veria a suceder nos anos seguintes.

 

O Dortmund a partir do ano de 2002 entrou numa grave crise finaceira devido sobretudo aos maus resultados desportivos a nível europeu, à queda de facturação em merchadising e também à desvalorização das acções do clube.

 

Em 2005 o clube esteve incrivelmente à beira da falência e em resposta a estes problemas a direcção teve obviamente que tomar medidas drásticas.

 

As suas principais estrelas como Rosicky e Koller tiveram que ser vendidos e uma parte do seu estádio foi mesmo arrendado a uma companhia de seguros que mudou o nome do recinto para Signal Iduna Park.

 

Desde de 2005 até à época transacta, as prestações do Borussia na Bundelsig foram bastante modestas e inclusivé na época 2007/ 2008 teve que se esforçar para não cair para a 2ª liga alemã.

 

Estes dados só dão mais valor ao feito do clube na época passada.

 

O inesperado titulo de 2010 tem como principais responsáveis o treinador Jurgen Klopp, um grupo de jogadores jovem e talentoso e também uma massa adepta que é indiscutivelmete uma das melhores do mundo.

 

O Signal Iduna Park é normalmente assim uma vez por semana

 

O futebol praticado por este Dortmund de Jurgen Kloop é uma proposta atraente de futebol ofensivo, dinâmico e que defende na plenitude aquela velha teoria que a melhor defesa é o ataque.

 

 

Jurgen Klopp, actual treinador

 

As equipas alemãs da actualidade têm quase todas esta vocação atacante mas este Dortmund foi o que melhor conjugou o futebol ofensivo com o sucesso.

 

Hummels, Sahin (agora no Real Madrid), Kagawa e Barrios foram a meu ver os jogadores mais preponderantes da equipa na época passada.

 

É de facto um prazer ver esta equipa jogar.

 

Na presente época o Dortmund usufrui  praticamente da mesma estrutura mas desta vez os desafios que tem pela frente são ainda maiores.

 

 

Gotze e o japonês Kagawa, duas referências do Dortmund de hoje

 

A nível interno enfrenta o desafio de revalidar o titulo perante um reforçado e poderoso Bayern, enquanto a nível europeu a pouca experiência dos seus jogadores e o pouco pragmatismo  da equipa parece querer afastar prematuramente a turma de Klopp da Champions.

 

Porém quem gosta de futebol, tem de gostar deste novo e renascido Dortmund.

 

Aconselho por isso que tirem uma hora e meia e aproveitem para ver esta equipa jogar, prometo que não se vão arrepender.

 

publicado por A.S às 17:55
link do post | comentar | favorito
|

.Votações

Quem irá sagrar-se campeão nacional 2013/2014?
  
pollcode.com free polls 

.arquivos

.tags

. todas as tags

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.posts recentes

. A febre da Copa

. Villas-Boas nos Spurs, o ...

. A jornada dos grandes (16...

. As duas faces dos Citizen...

. Craques em destaque: Heun...

. Análise Mundial 2014: Gru...

. Análise Mundial 2014: Gru...

. Análise Mundial 2014: Gru...

. Análise Mundial 2014: Gru...

. Serie A: Quem desafia a J...

blogs SAPO

.subscrever feeds