Quinta-feira, 1 de Dezembro de 2011

Craques em destaque: Belhanda, Giroud e Yanga-Mbiwa

Três jogadores do actual e surpreendente líder do campeonato francês, o Montpellier.

 

A Ligue 1 é uma autêntica caixinha de surpresas e mais uma vez a corrida pelo título é alargada e bastante imprevisível. No meu entender existe quatro formações acima de todas as outras (PSG, Lyon, Lille e Marselha), no entanto existe um grupo de equipas de segunda linha que podem surpreender ao longo do ano, e é nesse grupo que se inclui este Montpellier. 

 

Uma equipa a acompanhar e em que se destacam estes três bons jogadores, todos ainda jovens e que podem ambicionar a altos voos no futebol europeu.

 

Younès Belhanda



 

Formado no clube, Belhanda é um médio criativo puro e assume-se como a principal referência da equipa na construção de jogo. O jovem marroquino tem capacidade de drible e finta mas é a sua qualidade de passe no último terço de terreno que impressiona.

 

Não é o tipo de médio que procure zonas recuadas para ter o controlo da bola, Belhanda é sobretudo um fantasista que necessita de liberdade táctica para mostrar as suas qualidades.

 

Actua preferencialmente nas costas do avançado mas as suas características podem também ser aproveitadas numa zona mais lateral. Apenas com 21 anos tem muita margem de progressão e certamente que o seu futuro não passa por Montpellier.

 

Olivier Giroud

 

 

Os números falam por si, onze golos e a liderança na lista de melhores marcadores. Destacou-se primeiro no Tours da 2ª divisão e agora na segunda época ao serviço do Montpellier está a tornar-se um caso sério.

 

Giroud é forte fisicamente mas apesar do seu poderio físico tem agilidade e grande capacidade de movimentação. Não se esconde do jogo, luta por todas as bolas e no momento da finalização é normalmente inteligente e certeiro.

 

Tem características muito interessantes e quem sabe não será um dos eleitos de Laurent Blanc para o próximo Europeu.

 

Mapou Yanga-Mbiwa

 

Defesa-central de excelente qualidade. Este jovem francês, nascido na República Centro Africana também se tem destacado na equipa e é ele o pilar de toda a estrutura defensiva. Alto (1,85m), fisicamente impressionante, Mapou é também incrivelmente rápido nas coberturas e com a bola controlada.

 

Muito forte nos confrontos directos contudo por vezes peca no posicionamento. Tem sem dúvida qualidades para vingar num clube com maior dimensão.

 

 

 

Este Sábado a caminhada da equipa continua, na recepção ao Lorient, outra boa equipa do campeonato gaulês. Uma boa oportunidade para ver estes jogadores em acção, numa partida que se adivinha muito interessante.

publicado por A.S às 23:50
link do post | comentar | favorito

.arquivos

.tags

. todas as tags

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29

.posts recentes

. A febre da Copa

. Villas-Boas nos Spurs, o ...

. A jornada dos grandes (16...

. As duas faces dos Citizen...

. Craques em destaque: Heun...

. Análise Mundial 2014: Gru...

. Análise Mundial 2014: Gru...

. Análise Mundial 2014: Gru...

. Análise Mundial 2014: Gru...

. Serie A: Quem desafia a J...

blogs SAPO

.subscrever feeds